A|W & trends

A organização espacial do ambiente escolar no decorrer da história…

A organização espacial do ambiente escolar no decorrer da história…

Por Maria Regina Ramos

Os espaços físicos da escola influenciam a forma como as pessoas convivem e estimulam o processo de aprendizagem e de ensino.

Durante séculos, o grande destaque da educação no Brasil foi a figura do professor como fonte do saber. Partindo da 1ª Revolução Industrial, a maneira como as pessoas eram educadas era chamada de Educação 1.0. As aulas aconteciam dentro de escolas paroquiais, em espaços fechados, com pouco conforto, com ausência de iluminação e circulação de ar reduzida. Aprendiam a ler, escrever, noções de aritmética, canto e era um ensino estritamente cristão. E atendia plenamente a expectativa da sociedade daquela época.

Com a 2ª Revolução Industrial surgiu a nova Escola 2.0 com a necessidade de preparar as pessoas para trabalhar em fábricas. Com salas separadas por idades, tarefas repetitivas e mecânicas, surgiam as tradicionais salas de aula que conhecemos até hoje: espacialmente organizada em fileiras, garantindo todos na mesma hora, no mesmo local e fazendo a mesma coisa.

A 3ª Revolução Industrial trouxe para a escola a necessidade de pessoas aptas a trabalharem em um novo panorama. Da necessidade de salas que se adaptem a trabalhos em grupo e acessíveis ao uso da tecnologia, surgem laboratórios de informática alinhados às novas metodologias e pedagogias.

Agora estamos atravessando a 4ª Revolução Industrial e as escolas passaram a preparar seus alunos para um futuro completamente desconhecido. Mais do que nunca os espaços de aprendizagem precisam propiciar condições que despertem a curiosidade, estimulem a capacidade de aprender e ajudem na retenção do conhecimento.

A sala de aula passou a ser um lugar não apenas para aprender, mas também para compartilhar conhecimento. Paradigmas foram quebrados: professores passaram de atores para diretores e alunos de subordinados a membros de um mesmo time. Todo o ambiente escolar passou a ser considerado um espaço de aprendizagem repleto de possibilidades!

As salas se tornaram 360°, permitindo o uso de metodologias inovadoras e assegurando que seu ambiente esteja sempre em constante transformação, dando a alunos e professores maior autonomia através de uma relação mais ativa com o espaço.

Novas metodologias trouxeram a urgência de transformação dos ambientes escolares. O futuro é agora!

related articles